domingo, 20 de agosto de 2017




NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Azulejos decorativos


Há muito tempo os azulejos revestiam apenas as paredes de banheiros e cozinhas. Com a criatividade em alta, eles se transformam em azulejos decorativos ganham novas utilidades, se transformando em quadrinhos, moldura de espelho e até bandejas charmosas.
Se você é fã dos azulejos portugueses e suspira quando vê essas cerâmicas esmaltadas decorando palácios, igrejas e monastérios, saiba que é possível reproduzir essa mesma estética e criar seu próprio produto. “Para isso é utilizado um processo chamado sublimação. A pessoa leva a imagem desejada em arquivo, transferimos para um papel específico e depois essa figura é estampada no objeto desejado, no caso, o azulejo”, explica Carlos Ferrari, um dos proprietários da Minilab/Salvador Daqui, local na qual é possível realizar esse serviço.

Pesquisa: 90% das mulheres não usam as roupas que levam na mala

Enquete realizada por agência de viagens mostra que, em média, a mulher leva oito pares de sapato para uma viagem de sete dias


Fazer as malas na hora de viajar costuma ser um estresse para as mulheres. Escolher quais peças de roupa levar é uma tarefa árdua que, geralmente, termina com uma bagagem lotada de itens nem sempre úteis. E uma pesquisa feita pela agência de viagens “Holiday Hypermarket”, no Reino Unido, finalmente comprova, em números, a dificuldade feminina de levar somente o necessário na mala. A enquete mostra que 90% das mulheres admitem que nunca usam todos as peças de roupas que levam na mala em uma viagem. Além disso, elas gastam muito mais tempo arrumando a bagagem e têm maior chance de ultrapassarem o peso permitido no avião — porém o mais   provável é que usem apenas metade das roupas que levam. Por outro lado, a maioria dos homens usa pelo menos 90% do que leva.

terça-feira, 31 de maio de 2016

Flores: Transformando sua casa em um cantinho cheio de amor 🌻


Meu povo olha só que meigo esse post que encontrei no Blog de Bianca Andrade, do site Boca Rosa, apaixonei pela gostozura dos resultados de cada arranjo. Muito fácil de fazer, qualquer pessoa pode fazer em casa. Gostaria de ver mais resultados desses. Vou fazer uns....será que consigo?

Vou deixar que Bianca Andrade explique sua obra...

Captura de Tela 2016-05-31 às 15.08.12
Esses são os jatinhos de decoro aqui do Cantinho. Para ver o passo a passo clique aqui.
Se você curtiu a idéia, mas não está sabendo como começar, vou deixar aqui algumas opções com decorações bem legais para vocês deixarem suas casas beeeeem lindas, alegres e floridinhas, tá?

sábado, 21 de maio de 2016

Aulão de patins vai movimentar a Avenida Noide Cerqueira


O encontro busca proporcionar uma manhã de lazer para todos os simpatizantes do patins e haverá também a venda de acessórios e utensílios de segurança.

Aulão de patins vai movimentar a Avenida Noide Cerqueira
Foto: Ed Santos / Acorda Cidade
No próximo domingo (22), acontece na Avenida Noide Cerqueira, em Feira e Santana o Aulão de Patins para iniciantes com a presença de Fernando Reis, do Patina Salvador, instrutor e representnate do esporte no estado.
O encontro busca proporcionar uma manhã de lazer para todos os simpatizantes do patins e haverá também a venda de acessórios e utensílios de segurança. Será uma manhã de lazer e esporte voltada para toda a família.
No dia 29 de maio acontece também em Salvador, o Primeiro Encontro da CBX (cidade baixa, com percurso de Roma a Ribeira, finalizando com competições, sorteios de brindes e uma pequena confraternização com feijoada e samba. As camisas serão trocadas por 2 kg de alimento.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Você aguenta





Foto: Reprodução

A primeira vez que me disseram a frase “você não recebe um peso que não consiga suportar”, absorvi o sentido de cada palavra quase que completamente. Ok, na frase às vezes variam verbos e palavras, mas o significado permanece o mesmo: pode parecer que não, mas você consegue. Se houvesse uma expressão que se encaixasse em nossa vida como as peças de um quebra-cabeça, seria esta.
Vira e mexe a gente acha que está muito pesado. Que ficou difícil demais, que não teremos forças. Ora, justo eu, que nem levanto peso na academia e mal consigo rodar o lacre da tampa do refrigerante?
É muito para mim.
Nos colocamos em uma situação de incapacidade de fazer o que tem que ser feito, simplesmente porque parece que não é apenas uma mochila que está em nossas costas, mas um verdadeiro hipopótamo, com suas tantas toneladas. Daí desabamos no chão.